Conheça a técnica home staging de vender imóveis

6 minutos para ler

Você sabe o que é home staging? Essa técnica de vender imóveis surgiu nos Estados Unidos, por volta da década de 70. Barb Schwarz, corretora imobiliária, criou o termo home staging após verificar o quanto algumas pequenas alterações no imóvel e em como ele é mostrado podem causar efeitos positivos muito maiores nos compradores interessados, além do quanto isso seria vantajoso para seus clientes e para o mercado de imóveis. 

Barb percebeu que essa prática de artifícios específicos para melhorar a aparência dos ambientes só gerava mais valor ao imóvel e fazia com que ele fosse vendido mais rapidamente, além de ter um preço maior do que inicialmente teria. Assim, o conceito foi se desenvolvendo e se adaptando há quase 50 anos. Hoje em dia, até temos o home staging digital. Quer entender mais sobre esse termo? Continue a leitura e entenda o que é home staging, como essa técnica funciona e como é esse cenário no Brasil.

Home staging antes e depois: veja como essa prática melhora as técnicas de venda de um imóvel. | Foto: Freepik.

O que é home staging?

Home staging nada mais é do que uma técnica que foca em deixar os ambientes o mais confortáveis possíveis do imóvel, mais bonitos e mais agradáveis, sem precisar de grandes reformas. Sua aplicação é feita em casas e apartamentos usados, que precisam de uma boa repaginada antes de serem anunciados no mercado.

Os proprietários podem escolher fazer o home staging eles mesmos, mas é sempre mais vantajoso realizar esse processo com a consultoria de um profissional. A colaboração entre arquitetos e corretores costuma dar ótimos resultados em home staging, já que o objetivo é “montar um cenário” que cative o público e faça-os desejar por aquele imóvel. 

Não pense que essa prática é algo luxuoso e que só alguns podem usufruir. Ela é um grande aliado de quem quer vender ou alugar um imóvel, fazendo com que o potencial comprador se sinta em casa assim que passa pela porta. É uma compra na qual emoção e razão se completam e, por isso, cada detalhe pode fazer toda a diferença.

Como funciona o home staging?

O home staging funciona de maneira simples. Quando se coloca um imóvel à venda, é necessário pensar no que o comprador vai querer ver, colocando-se no lugar dele. 

Dessa maneira, pense em todos os detalhes que podem encantar aquele possível comprador: ele vai se incomodar com desgastes aparentes, bagunça e sujeira? Provavelmente sim e isso pode fazer com que ele queira reduzir o valor de compra do imóvel. 

Portanto, é muito importante trabalhar para sempre causar impactos positivos nos clientes, visando uma conexão emocional e aquela sensação de como seria bom adquirir aquele lar. 

Seguindo nessa linha, os cuidados já devem começar logo com o anúncio do imóvel e deve ter uma descrição envolvente, sem erros de português e fotos profissionais. A preparação do imóvel deve envolver desde reparos de elétrica e hidráulica até a decoração. 

Assim, o home staging, que traduzindo para o português fica “encenação de casa”, consiste num conjunto de técnicas que atuam na transformação do imóvel, acrescentando detalhes e aproveitando da melhor maneira possível aquilo que ele tem de mais positivo. Tudo em prol de atingir e conquistar o cliente final. 

Pode parecer complicado, mas, na verdade, a prática foca na rapidez e na diminuição de custos e é possível fazer melhorias e preparar os imóveis para a venda sem gastar muito. Outra coisa que deve ser considerada é se o valor investido pode ser recuperado facilmente, quando a construção for vendida por um preço mais alto.

Técnicas de home staging

Separamos algumas técnicas de home staging para você entender melhor o conceito:

Procure deixar os espaços iluminados e arejados

Assim, é possível provocar uma imediata sensação de bem estar.

Coloque em destaque os pontos positivos do imóvel e minimize os negativos

Principalmente se o espaço estiver vazio, a manutenção tem que estar toda em ordem. Já que não há nenhuma decoração, o comprador não tem onde colocar os olhos e pode ficar buscando defeitos em outros lugares.

Faça a limpeza

Sempre fazer a limpeza, pintura de paredes e armários, ajustes de iluminação e uma nova distribuição dos móveis.

Evite o chão com riscos

Chão com riscos? Coloque um tapete. Nos quartos, roupa de cama branca e limpa, assim como toalhas e tapetes nos banheiros.

Retire objetos pessoais

Retire dos ambientes objetos pessoais, como fotografias, diplomas, assim como objetos de valor. Isso evita distrair os clientes na hora das visitas e dá mais segurança aos proprietários.

Como o home staging funciona no Brasil

Apesar de tudo, o home staging ainda não é amplamente conhecido no Brasil. Mas, com o atual cenário econômico do país, muitas pessoas perceberam como pode ser benéfico o uso dessa técnica. Essa prática tem tudo para se tornar popular com o passar dos anos, graças ao reaquecimento do mercado imobiliário. 

Nos Estados Unidos essa técnica é extremamente utilizada e, praticamente, 8 em cada 10 imóveis vendidos são preparados com as técnicas de home staging. Por isso, quanto mais pessoas se conscientizarem sobre essa prática no Brasil, melhor para o mercado imobiliário nacional. 

De acordo com Sandra D’Angelo, designer de interiores, especializada em home staging, o brasileiro troca de casa pelo menos duas vezes na vida. Ao passo que os americanos se mudam cerca de 10 vezes. Essa forma de desapego pelo imóvel facilita muito mais a implantação do home staging, já que os proprietários se tornam mais abertos a realizar as alterações que precisam ser feitas. 

Por fim, saiba que o home staging é para todos os tipos de imóveis: pequenos, novos, antigos, imensos, etc. Essa prática pode ser dividida em várias etapas para deixar a aparência da casa atualizada e atraente.

imóveis retomados
Posts relacionados

Deixe um comentário