Confira as diferenças existentes entre a venda direta e os leilões

6 minutos para ler

Você já deve ter ouvido falar de venda direta leilão alguma vez. O fato é que esses dois termos possuem diferenças entre si, que podem se encaixar melhor com determinadas situações e interesses de quem quer adquirir um imóvel.

O leilão de imóveis é uma forma de venda dos imóveis retomados, a mais conhecida no Brasil. Porém, muitas pessoas não sabem qual é o destino dos imóveis que não são arrematados em um leilão de primeira ou segunda. Aí entramos na questão da venda direta. 

Continue lendo para entender melhor o que significa leilão venda direta e as diferenças entre leilão e venda direta!

Saiba qual a diferença e as vantagens e desvantagens entre a venda direta e leilão. | Foto: Freepik.

O que é venda direta?

Primeiramente, vamos entender o que é venda direta: Venda direta se dá pelo processo de vendas que não deu certo em leilões de imóveis usados (como casas, apartamentos ou terrenos).

Basicamente, assim que o imóvel é devolvido ao banco, como é decretado na lei de garantia de alienação fiduciária, podem ser realizados até dois leilões. O primeiro vai ocorrer nos 30 dias após a sua devolução e, caso não receba nenhum lance, 15 dias depois pode se realizar o segundo leilão. 

Se nessas duas tentativas o imóvel não for vendido, ele será oferecido em licitação aberta, fechada, venda direta, que é o que vamos entender.

Para comprar um imóvel em venda direta, você deve apresentar uma oferta e as condições de pagamento, no preço mínimo de venda que está registrado na página do imóvel de seu interesse. Quem fizer a proposta primeiro, preenchendo todas as informações de forma correta, leva a compra.

Como são feitos os leilões?

Agora, vamos entender como funciona um leilão de imóveis. Muitas pessoas procuram esse método, justamente porque o preço neste tipo de aquisição é muito mais atrativo, pois é bem abaixo do preço normal de mercado.

O leilão é uma forma de venda de bens ao público, onde o leiloeiro anuncia um imóvel e estipula um valor mínimo para a posse dele. Assim, quem está interessado pode fazer um lance e o valor mais alto ganha. Depois disso, surge o arrematante do imóvel.

Existem dois tipos de leilões: o leilão judicial de imóveis, que é realizado presencialmente e a pessoa interessada comparece no lugar na data e hora combinados; e o leilão online, onde é necessário realizar um cadastro no site e seguir acompanhando os lances e arrematações nas salas virtuais.

Um imóvel pode ir à leilão por diversos motivos, como:

  • Para pagamento de dívidas;
  • A venda judicial para extinguir a propriedade mútua, ou seja, no caso de vários proprietários para um único imóvel;
  • Venda do bem por conta de processo de inventário.

É necessário tomar alguns cuidados se você for adquirir um imóvel em leilão: Sempre preste atenção no valor mínimo da venda, na conservação do imóvel, informações do proprietário, valor da comissão da empresa leiloeira e pendências do imóvel (como valor de condomínio, IPTU ou quaisquer outros que estejam atrasados).

Qual a diferença entre venda direta e leilão?

Mas, qual a diferença entre venda direta e leilão? A de venda direta facilita o processo, para que não haja nenhum trabalho prévio de análise. Com a venda direta, um atendimento pode te auxiliar na hora de realizar a compra, verificando ônus em matrículas, regularização do bem e desocupação, pois a maior parte das ofertas são de imóveis ocupados.

Em leilões, toda a burocracia de resolver um imóvel ocupado é com o interessado naquele local, isto é, o interessado deve tomar medidas como contratar um advogado, chegar a negociações, ou em casos mais extremos, realizar um processo contra aqueles que se recusam a sair do imóvel, em casos de imóveis ocupados.

Em resumo, a venda direta acontece em uma fila única, a primeira pessoa que oferecer uma proposta completa, leva o imóvel, portanto só depende dela mesma. Quando falamos de leilão, isso já se torna mais complicado e burocrático, pois depende, também, de fatores externos.

O leilão nem sempre pode ser feito de maneira digital, enquanto a venda direta já é toda digitalizada e facilita demais para o comprador.

O fato é que os leilões continuam acontecendo, porque é uma obrigação por lei e existem imóveis mais atrativos para o comprador que curte realizar compras em leilão, como grandes lajes, prédios comerciais inteiros, etc. 

Vantagens de cada um deles

Conheça quais são as vantagens da venda direta  e do leilão:

Vantagens da venda direta

Entre as vantagens que a venda direta apresenta, podemos citar:

  • Ao contrário do que acontece no leilão, na venda direta não há a necessidade de você participar de uma conferência, pois, se você quer o imóvel, ele está disponível e pode pagar por ele, você conseguirá adquiri-lo;
  • Com a venda direta, você já saberá o valor que precisará investir, pois o valor da venda já está exposto. O que não acontece nos leilões, pois os valores sofrem alterações com os lances;
  • Não existe uma data e um horário para participar, pois, enquanto o imóvel não for vendido, ele estará disponível.

Vantagens do leilão

A principal vantagem do leilão de imóveis é, sem dúvidas, a economia. Os imóveis em leilões costumam sair muito mais baratos do que da forma tradicional. As ofertas costumam ser até 40% menores do que o preço de mercado.

Além disso, a variedade de lotes oferecidos é uma vantagem bastante atrativa, devido ao fato de que cada vez mais pessoas estão optando pelo leilão. A economia de tempo é fator crucial nessa modalidade.

Qual o tipo de público de cada um deles

O leilão é um processo que costuma valer a pena para aqueles que estão em busca de descontos maiores referentes aos gastos posteriores. Além disso, a procura por imóveis leiloados se dá por seu preço atrativo.

Já na venda direta, os imóveis saem com todos os débitos pagos, atraindo aqueles que estão em busca de uma avaliação mais simples do impacto econômico da aquisição, porém os imóveis em venda direta também possuem altos descontos, mas, em muitos casos, já passaram por leilão antes.

Agora você já sabe tudo sobre venda direta leilão e como cada um funciona, conheça a Resale, o maior Outlet Imobiliário do Brasil e facilite o seu acesso a imóveis retomados.

imóveis retomados

Posts relacionados

2 comentários em “Confira as diferenças existentes entre a venda direta e os leilões

  1. bom dia.
    ocorrência de um leilão…sem arrematação…..de uma casa no Méier.
    irá, certamente, para a venda direta.
    como fazer uma vistoria se houver interesse de um comprador, uma vez que está ocupado na venda direta?
    FRMartins

    1. Olá, Frank, tudo bem?
      Você pode falar com o Mateus do comercial. O contato dele é 11 97809-0519, ele está disponível para te ajudar e tirar todas suas dúvidas. Se preferir me passar seu contato, posso pedir pra ele te chamar também!

Deixe um comentário